Kennedy Barros mantém multa ao ex-secretário Francisco Costa

0
92

O TCE aplicou uma multa por atraso na entrega de prestação de contas do exercício financeiro de 2015 das Coordenações Regionais de Saúde, quando Francisco Costa era o secretário estadual de Saúde.

O conselheiro Kennedy Barros, do Tribunal de Contas do Estado do Piauí (TCE-PI), decidiu
manter a multa de 3.300 UFR-PI, que é o equivalente a R$ 10.857 que foi aplicada ao ex-secretário estadual de Saúde, Francisco Costa. A decisão monocrática é do dia 27 de junho.
O TCE aplicou uma multa por atraso na entrega de prestação de contas do exercício  financeiro de 2015 das Coordenações Regionais de Saúde, quando Francisco Costa era o secretário estadual de Saúde.

Fonte: GP1

DEIXE UMA RESPOSTA

Comente
Por favor digite seu nome